Aprendendo com… a Ventania

                              Imagem

Sentada, eu, na grama do quintal. A leve brisa, antes carinhosa, começa a enfurecer-se. Começou uma ventania, forte Ventania que impunha respeito.

Os animais todos começam a esconder-se, proteger-se, abrir caminho para ouvir o que a Ventania tem a dizer, a ensinar. Os animais em silencio, em total silencio, em suas tocas, grutas ou ninhos. Todos prontos e esperando para ouvir.

Entrei em casa correndo, sentei-me na cadeira, ao lado da janela, e esperei! As vozes por quem a Ventania passou começaram a dizer. O velho a me contar sobre as aventuras de sua juventude, a criança a falar sobre suas brincadeiras e as coisas novas que aprendeu na escola, a moça que já não ama, bem hoje já não ama, mas não significa que esqueceu…

A Ventania me trouxe folhas, poeira, areia, cheiros, nuvens e lembranças. De mim tirou algumas experiências para transmitir a outros.

Trouxe algo a mais, trouxe a chuva, a Chuva veio para apagar as lições dos ares. Na chuva vou refletir as lições e historia que ouvi e gravei.

A Ventania trouxe, na chuva refleti e na calmaria só desenvolverei mais lições para aguardar a próxima Ventania.

Anúncios

Um pensamento sobre “Aprendendo com… a Ventania

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s